sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Polémica Savoy/Cafôfo aquece



José Prada responde à "bióloga Matos"



"Anda por aí uma bióloga de pacotilha perorando prosaicamente sobre temas que não domina, arrotando postas de pescadas, como se fossem iluminadas sentenças.

Para o que havia de dar a pesporrência basófica desta ente? Para questionar o último capítulo - por enquanto - que escrevi da saga do Progenitor do Mastodonde.

Qual foi a fanfarrice da criatura? Que eu estaria a mentir porque omiti voluntariamente uma página de um documento que juntei. Uau!!! Fiquei impressionado com a valentia da moça.

Ao contrário do que insinua a personagem menor, obtive os documentos legitimamente, pois solicitei-os ao abrigo da Lei 26/2016. Paguei bom dinheiro à CMF para obtê-los. Os que, cheia de si, ostenta, foram-lhe dados pelos seus amigalhaços da CMF, em troca de cumprir o servicinho que lhe encomendaram de zurzir no Prada. Biscate que logo aceitou à míngua de melhor.


De entre esses documentos que me foram entregues tarde e a más horas pela CMF, não constava a página que refere. Tal como não incluíam os documentos do ano 2017, desde logo, o requerimento alterações de Março deste ano (veremos se esta obtusa e ressabiada mente ousará, com muita lata e pouca vergonha, ainda culpar Albuquerque do mesmo!)

Se quanto a tal página, até admito que tenham feito bem em poupar a fotocopiadora, atenta a sua despicienda relevância, já quanto aos demais, para informação, e em primeira mão (merece esta caixa, tanta importância me concedeu!) da vilante, vou instar judicialmente a CMF a entregá-los porque se provam grosseiras ilegalidades cometidas pela CMF (para não ir mais longe) que eu vou desmascarar.

Essa página 2, qual pólvora, que descobriu a dita, em suma, conclui que Cafofo poderia ter prorrogado a licença de 2009. Mas alguma vez eu escrevi o contrário? Chafurde bem e veja lá se encontra. A ânsia de bater no Prada, no exercício legítimo do seu culambismo, tolheu o raciocino, não foi?

Já agora, conviria a esta mente se ater na página 2 até ao fim, onde se pode ler o óbvio: "O pedido de prorrogação deve ser feito em momento prévio ao do respectivo termo de validade da licença".

É que se Cafofo declarasse a caducidade como podia e devia, nem se colocava a possibilidade de prorrogar, pois a licença já não permaneceria válida em 16.12.2015. Até uma bióloga qualquer deveria saber que apenas se pode prorrogar o que subsiste. 

O que eu disse há muito e repito, que a página 3 do documento corrobora e que a página 2 não desmente,  é que Cafofo poderia ter declarado a caducidade da licença e por muitas voltas que dê, no seu encarte mal amanhado de jurista de ocasião, não consegue negar. Com página 2, sem página 2 ou até com algum calhamaço de leis que deve ter deglutido à pressa para ora sentir a necessidade de expelir as tais postas.

Se outros méritos o meu artigo não granjeou, teve o condão de obrigar a sair da toca esta lebre da cacofonia.  Até aqui, as suas arengas sobre o Mastodonte interrompiam-se, sempre, conveniente e abruptamente em 2009. À cautela para não chamuscar o sorridente. Afinal há mais vida em 2015!

Aqueça, vai ter de entrar em 2017. E vai queimar o Progenitor. Cá a espero, bombeira Matos. 


José Prada"





56 comentários:

Anónimo disse...

Grande Prada.
Se no,parlamento fosse assim...
Continue a desmontar esse casal violante

Anónimo disse...

Você Prada, que só agora aparece, devia ter outro tipo de linguagem por forma a que o comum dos leitores possa aquilatar serenamente o que verdadeiramente se passa. Mandar "chafurdar" entre outras é,na minha opinião, demasiado pesado para que a interpretação o isente de alguma parcialidade. Que valores se esconderão por detrás da sua fúria...???

amsf disse...

A mim admira-me que um advogado, membro de um partido que tudo controlou na Madeira, inclusive a feitura de legislação, venha dar lições de moral quando o "edifício legislativo" que erigiram permite estas situações.
Sim, alguém se lembra de algum edifício que tenha sido demolido por razões legais?! Na Madeira tudo se consegue, nada é ilegal.
Até a Quinta do Lorde é legal!

Anónimo disse...

Eish Prada, depois de tantos artigos de opinião sobre o caso Savoy em que eram produzidos documentos e dados legítimos e fundamentados, sai esta pérola de fanfarrice e insulto, própria de um certo blog ou dos famosos artigos não assinados no ex-JM.

Deve ser os tiques do PSD pré-renovadinhos que demoram a morrer ou será maus fígados por aperceber-se que Rubina Leal e Cafofo complementam-se na mediocridade e demagogia?

Anónimo disse...

Blá-Blá e mais Blá-Blá.
O Savoy foi culpa do Inguila que se armou em jurista, arquitecto - seria arquiteta? - engenheiro e continuo da repartição. Ele fez isso tudo sozinho para que nada falhasse. Parece que até de arquiteta se disfarçou!
Decisões políticas ninguém tomou.
Vou eu votar nestes irresponsáveis? Não, com o meu voto não chegam lá.

Anónimo disse...

Isto é que é ser mais papista que o papa. Agora tudo ataca o Prada por dizer as verdades e que insultou a Violante? Essa senhora e o Marido nada fizeram se não viver á custa dos outros. A violante e o bronco passam os dias nas redes sociais a chamar os outeoa de ladroes, de mentirosos e de canalhas. Não acham que a senhora tambem deveria ter outra postura?

Anónimo disse...

Vai buscar Violante

Anónimo disse...

Quem se mete com o Prada, leva.
Lembra-te algo, Bióloga, quando pairavas no PS?
Agora devem olhar-te de desdém, como estás feira com Iglesias, Cafofo e Maximiano para depor o Carlos Pereira

Anónimo disse...

Com o devido respeito, o Dr. que autoridade tem para dar lições de moral?
Às vezes, até pode ter razão, mas o seu histórico de chulice ao sistema, à partida, faz de si um ser com muito pouca credibilidade.
Já cansa, Dr. Já cansa.
E se na Assembleia fosse tão interventivo e opinativo, talvez a transição AJJ/MA fosse menos dolorosa...para o povo. Pois para si, não foi, não é? Continua lá, com o seu ordenadão a fazer bem o que sempre fez: NADA.

Anónimo disse...

Antes dew virem para aqui criticar o Dr. Prada vejam o que a "senhora" Violante escreveu no seu Face Book.
Começou logo por por em causa o curso que o Dr. Prada tirou.
Se fosse eu, tinha-lhe dado com mais força ainda.

Anónimo disse...

Embrulha Violante.
Deste de frente com alguém que não teme o teus estilo trautileiro.
Foste baixa, agora, o Prada partiu-te toda. Não vão sobrar cacos.

Anónimo disse...

Então és ti asmf, não sei quantos Freitas ou não sei quantos Spínola, que do alto da tua superioridade moral, podes vir para aqui pregar moral.

Estás bem deitado nessa tarefa com a Violante, só estragam uma carroceira geringonça

Anónimo disse...

A "classe" deste "menino"....
Estou atónito. Que escrita tão vergonhosa.
Muito cheio de si este cidadão menor e mal educado.

Anónimo disse...

Ainda bem que caiu a máscara a tão pretenso polido ser. Que nivel Dr. Prada. Assim já se percebe melhor porque está onde está e defende o que defende. Obrigado pelo esclarecimento sobre o seu carácter e educação.

Anónimo disse...

Notável resposta Zé Prada. Ela foi baixinha. Soubeste descer ao seu nível. Quem vai à guerra....

Mas esqueceste de sublinhar o mais importante, para as Violantes desta vida.

Como ela diz, Paulo Cafofo tinha a possibilidade legal de prorrogar a licença. Como está escrito na tal página que lhe entregaram.

Mas em momento algum está escrito, nem pode estar, nessa página, nem em parte nenhuma, que Paulo Cafôfo era obrigado a prorrogar.

Que disse Paulo Cafôfo ao JM de 11 de Dezembro de 2015? JM: “... também mencionou que a Câmara do Funchal teve de prorrogar o prazo do projeto por mais 3 anos, visto que caducava a 16 de Dezembro"

Mentiu então Paulo Cafôfo como mente agora Violante Matos.



Anónimo disse...

Versátil este Prada,
Estou a gostar, tenho de reconhecer.
Tanto com elevação, prova por a + b que as contas estação mal feitas, como que a lei não foi cumprida, como baixa o nível, e responde à letra, depois de se sentir ofendido e provocado.
Não abandone o Fénix, é minha leitura obrigatória

Anónimo disse...

Como se essa página 2 fosse mudar algo à história. essa Saramago devia estar calada.
Grande Prada, o Albuquerque tá nervoso porque sabe que lhe vais tirar do poleiro !

Anónimo disse...

Foi o maninho Spinola que lhe pediu para falar da Quinta do Lorde.
Não nos destraia, o que está em causa é o que Cafofo poderia ter feito e não fez em 2015.
Sobre isso o maninho não tem nada a dizer?
Claro que não, há que manter as aparências da geringonça da Mudança

SIA disse...

Para mim é simples quem é o culpado do savoy. Cafofo que negociou com Avelino Faria antes dele o comprar ao Berardo. Nunca o negocio iria para a frente sem a garantia de. Cafofo. Esqueçam caducidade da licença, esqueçam 2009, esqueçam miguel Albuquerque, sejam práticos. O negocio foi feito nas costas dos funchalences e por isso agradeçam ao cafofo.

Anónimo disse...

Veja lá bem o que escreveu a Dra. Violante Saramago Matos e diga-me que ela não merecia o que o Dr. Prada respondeu?
Se fosse comigo também me saltava a tampa. E consigo

Anónimo disse...

Toca a votar minha gente. Escolham lá entre o Prada e o casal Matos.
Isso é que Liberdade de escolher um entre dois sem vergonha.
Brinquem às eleições e aos partidos e chamem-lhe democracia. Vão por bons caminhos, vão.

Anónimo disse...

Leia o Progenitor do Mastodonte 1, 2 e 3 que me parece que foram escritos para o comum dos mortais. Está lá tudo bem clarinho.
Este é uma resposta à Violante Matos. Nao será por acaso que nem tem por título o Progenitor do Mastodonte. Pelo que o Prada escreve nesta resposta, deve estar para breve o 4.

Anónimo disse...

Andam aqui umas virgens ofendidas que sob capa do anonimato escrevem barbaridades, insinuam, caluniam e muito mais.
Deve ser malta do BE que se arroga da exclusividade da superioridade moral.
Não sou defensor do Prada, ele até é advogado, mas qualquer um, perante o que escreveu Violante, teria ripostado forte e feio.
Quem com ferros mata, com ferros morre. Ou quem não se sente não é filho de boa gente.
Não é assim que diz sabiamente o povo?
Violante deveria ter pensado melhor antes de ter escrito o que escreveu. Leiam apenas o primeiro parágrafo do que escreveu. E depois passou todo o texto a chamar o Prada de mentiroso. Quando já se percebeu que não mentiu coisa nenhuma.


Anónimo disse...

Que vergonha Dr Prada. Tanta fúria porquê e para quê?
O progenitor do mastodonte por mais voltas que se queira dar, foi o Miguel Albuquerque.Dr Prada qual é afinal o seu caráter, a sua educação, pior não podia ser. Cafôfo herdou um presente envenenado, como herdou dezenas de milhões de dívidas.

Anónimo disse...

O das 9.42 e das 09.44 podia ter poupado tempo e caracteres e escrito apenas um comentáerio.
Deve ser do seu nível e carácter

Anónimo disse...

Que nível tão renovadinho.

Anónimo disse...

Comentarista das 09.42, 09.44 e 11.03, podia ter arrumado tudo no mesmo comentário.
Ao menos mudava os adjectivos para não dar tantos nas vistas.
Ou não lhe sai mais que "educação" e "carácter"? Que probreza franciscana

Anónimo disse...

Sou o das 9:44 e não fui o das 9:42 mas que idiota oh das 11:17. haja paciência.

Anónimo disse...

o das 11.34 então vá gozar a tolerância de ponto e não perca o dia todo a defender Cafofo & Violante.
Mesmo que não goste dos bólides, tá um lindo dia lá fora

Anónimo disse...

Já tinha saudades de ver um gajo com tomates. Parabéns Prada!

Anónimo disse...

Aqui está um exemplo flagrante da diferença entre o Sector Público e o Sector Privado:
Este José prada enquanto funcionário público de deputado regional a ganhar um ordenado princepesco e dourado acompanhado de Jackpot entra mudo e sai calado nunca tendo urado.

Agora como funcionário privado em regime de part-time ao serviço do Grupo Pestana nem férias judiciais se tira muito menos tolerância de ponto.

Tirem as vossas conclusões....

amsf disse...

É o que dá quando se vive num mundo de PSDs!

Anónimo disse...

Linguagem brejeira, arrogante e desprezível. Eis que o verdadeiro Praga aparece. Pode ter toda a razão do Mundo, mas quando se escreve sem educação, com termos desprezíveis e sem qualquer respeito, de pouco servirá ter a razão do seu lado.

Isto é exactamente o comportamento que levou as pessoas a confiar noutros políticos. Qual é a necessidade de ser arrogante, com uma mania de superioridade intelectual? A meu ver, sem qualquer necessidade.

E se tivermos em mente que o Prada é deputado na nossa Assembleia, mais feio isto fica. Tenha algum pingo de vergonha e convinha rever a escrita, sobretudo os termos deselegantes que utiliza.

amsf disse...

Parece que há comentários que deram algum trabalho a fazer, não continham qualquer ofensa, e que no entanto não aparecem aqui publicados. Não sei se foi o dono do blog, se foram piratas cafofianos ou do PSD, ou eventualmente um erro técnico,que estará na origem de tais incidentes!

Anónimo disse...

Das 14.53
Violante merecia isto é muito mais.
Chamou-lhe, sem razão, de mentiroso, manipulador, etc etc a quem lhe tinha sido entregue o curso de direito, etc.

Anónimo disse...

Para ser respeitada é preciso dar-se ao respeito.
Coisa que Violante Matos não fez em relação ao Prada, nem nunca fez. Vejam o histórico de pérolas linguísticas dessa senhora a destilar ódio...

Anónimo disse...

Que tal deixarem a poeira (tipo de linguagem) e se concentrarem no essencial (substância).
Quem é que mentiu? Quem foi?
Até pela linguagem se percebe que foi bióloga armada em jurista que não tarda é bombeira. Ah! Com todo o respeito pelos ilustres representantes destas nobres profissões.

Anónimo disse...

Apresente queixa ao MP. Mas terá de ir para a fila. Consta que têm o Savoy para analisar, o mamarracho do Lazareto, o hotel do Carlos Pereira, entre outros

Anónimo disse...

Tanta inveja.
Trabalha em vez de passsres o dia nisto

Anónimo disse...

"Urrado" queria você escrever. Nem sabe escrever o que você faz todos os dias!

Anónimo disse...

Mais uma virgem ofendida. Isto hoje está cheio delas? Será sempre a mesma, que se vai travestido ao longo do dia?

Anónimo disse...

Valorer? Os que ele deve prezar: honra e dignidade, que Violante Matos, sem necessidade, gratuitamente, ofendeu.
Para mim bastava, para lhe ter dado resposta ainda mais violenta.
Mas se quiser, pode sempre dar a outra face. Depois não se queixe, quando sentir os pés em cima de si

Anónimo disse...

Parabéns Prada.
Fizeste o que a muitos já apeteceu que por uma razão não fizeram. Vingaste-os todos.
E a mim também, pois essa ente também já se meteu comigo

Anónimo disse...

Apreciem a diferença de comportamento e valorem-no.
O Dr. Prada quando obteve, ao que ele diz, legitimamente e pagando, o documento, quando o apresentou, teve o cuidado de apagar o nome da autora do parecer.
Já a Dra. Violante apresentou o documento como o obteve, aparentemente, através de um fotografia de um telemovel, escarrpachando o nome da autora do despacho.
Revela bem o carácter das pessoas.
Imagino que nem a técnica da CMF nem o vereador e envolvido nem a próprio presidente terão ficado satisfeitos com este strip tease da Dra. Violante Saramago. Algum decoro imponha-se...

Anónimo disse...

És o futuro da nossa região , Prada!
Conta com a minha ajuda e de grande parte do concelho de Santa Cruz !

Anónimo disse...

Caro comentador, tenho para mim que se trata duma vingança desta CONFIANÇA ressabiada, pois a técnica que subscreve o documento é candidata a vereadora pela Rubina Leal, dai não merecer o respeito da esposa do mandatário do Cafôfo.
É o nível, não se pode esperar mais!

Anónimo disse...

Desculpem lá mas este discurso tem escola. Não é só o passos que anda copiando discursos!

Anónimo disse...

No dia 1 de outubro veremos quem ganha essa luta/batalha entre prada, cafofo, Afa, albuquerque,leal,gil entre outros... é que depois ninguem aparece aqui com essas cronicas diarias no jogo do rato e do gato,...
veremos!!!!!

Anónimo disse...

E eu tenho para mim que o vereador Domingos Rodrigues não gostou muito da brincadeira. Não o façam falar, pois ele deve ter muito para contar. Já deve ter estado bem mais longe disso, tão mal tratado tem sido ultimamente por Iglesias, Cafofo e companhia

Anónimo disse...

Pois tem.
Nos inenarráveis, mofentos, desprezíveis e sem ética, de uma colunista/bióloga, um tal de Violante

Anónimo disse...

Se assim for, muitos mais vão por a boca no trombone pois a forma execrável com que o Iglesias trata os funcionários da CMF é vergonhosa.
Esta equipa logo que tomou posse fez questão de perguntar aos continuos da presidência da CMF se os anteriores vereadores os tratavam bem, mas deviam era se preocupar com a forma que o cubano Iglesias trata os trabalhadores.

Anónimo disse...

Bióloga de pacotilha? Que falta de educação. Gostava sr Prada que lhe chamassem advogado de pacotilha? Talvez deputado de pacotilha, já que a atividade parlamentar é o que se sabe.Linguagem sr Prada arrogante e enviesada.Não dá votos.

Anónimo disse...

Depois da Violante ter começado o texto dela a escrever que o título de advogado tinha sido dado ao Jose Prada, como é que queria que ele reagisse? Se fosse consigo, não lhe respondia na mesma moeda. Se fosse comigo, dava-lhe um par de estalos.
Leia primeiro o que escreveu a Violante e acabará por concluir que a resposta do Jose Prada até foi soft

Anónimo disse...

O Dr Prada carece de humildade e educação,é só!!!!

Anónimo disse...

Prada presidente do GR daqui a uns anos , oiçam o que digo !

Anónimo disse...

E os renovadinhos quando chegaram a ALM fizeram o mesmo, pareciam uma simpatia mas verificou-se a sua falsidade. Tratam os trabalhadores como fossem lixo, perseguem, assediam e fazem bullying, proibem de falarem com os colegas, piores que a Pide!! Berram, insultam e intimidem, todos os trabalhadores querem ver os renovadinhos pelas costas e idem com todas as chefias colocadas por tacho, destruiram serviços, nada funciona bem naquela Casa!!